meta verso na educação

Metaverso na Educação – Guia facilitado para entender o novo mundo  

O metaverso na educação é um tema recente, que vem se consolidando no mercado ao passo que a tecnologia cresce e ganha novas áreas, mas ainda traz algumas dúvidas de como exatamente os estudantes e instituições vão se beneficiar com isso. 

Portanto, vale a pena entender tudo o que já existe até agora sobre o assunto. 

Desde o conceito até as premissas e possibilidades para o ramo educacional, permitindo que você veja isso tudo como mais uma oportunidade de ensino e captação de alunos. 

Confira! 

Metaverso na Educação – O que é? 

meta verso na educação

Primeiramente, o metaverso pode ser rapidamente definido como uma evolução da internet, algo natural e já esperado por especialistas. 

Em síntese, funciona como uma realidade paralela do mundo real, que tem como objetivo criar e desenvolver todo um mundo virtual. 

Mas não é só isso, esse metaverso se caracteriza por permitir que um avatar, que é a representação de um usuário, se locomova ali dentro e realiza atividades comuns da vida, como ir a lojas, shows e até conversar com outros avatares. 

Ou seja, é bem diferente de uma rede social ou mesmo de quaisquer outras plataformas que você já conhece e que vai impactar diretamente nos métodos de ensino. 

Afinal, os meios de ensino à distância vêm crescendo e sendo um destaque entre os alunos, conectando professores e estudantes que estejam em locais completamente diferentes. 

Ao longo da história, o termo começou a ser usado após a publicação da obra “Snow Crash” em 1992. 

Na época, o termo fazia referência a um mundo novo, que havia passado por um colapso econômico. 

Enfim, as grandes techs do Vale do Silício começaram a usar a palavra para se referir a um espaço cibernético, um modelo de futuro online. Seguindo até os dias atuais. 

Como funciona o meta verso na educação? 

como o meta verso vai impactar a educação

O metaverso na educação parece, inicialmente, algo bastante surreal e fora da realidade. Já que ainda existem pessoas que focam no método tradicional de ensino. 

Porém, a verdade é que esse método antigo, de ficar nas salas de aula com lousa, vem sendo soterrado pelas novas ferramentas e dinâmica das salas de aula. 

Dessa forma, se você começar a observar o cenário da educação, pode notar que mudanças vêm sendo aplicadas ao longo dos anosa passos lentos.

Como o uso de apresentações com meios digitais, pesquisas online, uso de celulares e tablets em salas de aula, aulas à distância e a lista segue. 

Porém, o metaverso vem para ampliar essas possibilidades de ensino, trazendo novas funcionalidades e mais chances de uma real sensação de aprendizado. 

Em outras palavras, imagine que o metaverso permite que os estudantes:

  • Se unam em uma sala virtual; 
  • Conversem; 
  • Façam rodas de discussão; 
  • Façam debates ou mesmo assistam coisas juntos. 

Ao mesmo tempo, dá para ir ainda mais longe, considerando todas as ferramentas que vêm sendo desenvolvidas para esse espaço cibernético. 

Em um anúncio da Meta, por exemplo, você pode conferir uma aluna que recebe ajuda para uma questão de astrofísica. 

No vídeo, o avatar manipula uma imagem de um sistema solar. 

Neste aspecto, o metaverso na educação fará uso de dispositivos de imersão, como fones de ouvido, óculos de realidade virtual e cabines. 

Como o metaverso pode impactar a educação 

Depois de entender melhor como o metaverso na educação funciona, vem a questão de como exatamente esse mundo virtual pode impactar o ensino. 

Mas, antes disso, é preciso considerar como esse espaço mudou nos últimos dois anos, em decorrência da pandemia do Covid-19. 

De acordo com Igor Sales da Imersys, um dos especialistas que vem estudando o tema, o ensino teve uma disrupção desde o início da pandemia. 

Essa quebra do ensino aconteceu por uma necessidade de adaptar rapidamente as salas de aula para o ensino remoto, algo que ocorreu em massa. 

Ou seja, em poucas semanas, foi preciso mudar a maneira como o ensino era visto e seguido a anos, levando-o para a rotina comum. 

Não à toa, trouxe novos desafios, possibilidades e problemas à tona.

Como zonas que ainda não tem acesso a internet, tarefas diárias que tornam o ensino em casa complicado, déficit de atenção, cansaço do método tradicional e até a falta de comida de algumas casas. 

Da mesma maneira, essa volta para o ensino de aula já vem se mostrando um desafio, para que as crianças e adultos se adaptem novamente. 

A partir disso, o metaverso na educação pode impactar o cenário de ensino de várias maneiras distintas. 

Em primeiro lugar, novas tecnologias vêm sendo implementadas para facilitar o acesso. 

Sendo assim, a ideia é reduzir o gasto com dispositivos eletrônicos, para tornar o mundo cibernético mais acessível. 

Em segundo lugar, a educação será afetada de maneira completa, não apenas no quesito ensino. 

Logo, impacta na educação na hora de captar alunos, proporcionar ensino, melhorar o retorno desses estudantes, evitar e resolver problemas, etc. 

Em terceiro lugar, é algo inevitável, que vai ocorrer em algum momento e marcar o início de mais um mercado para as instituições de ensino. 

Benefícios do metaverso na educação para alunos e instituições de ensino 

Enfim, é hora de conhecer quais são os benefícios que as instituições de ensino podem garantir ao aplicar o metaverso na educação. 

Eventos de apresentação e captação de alunos:

 

As faculdades sempre realizam alguns eventos com o objetivo de apresentar a instituição para potenciais alunos, conversar com responsáveis ou mesmo para adquirir patrocínios. 

Entretanto, esse tipo de evento pode ser caro e requer um grande volume de pessoas envolvidas, para fazer toda a programação, organização e ainda para o evento em si. 

Ao mesmo tempo, existe a questão relacionada a gestão do tempo, convidados, conflitos de agendas, etc. 

Porém, através do metaverso, é possível transformar tudo isso, migrando para um espaço cibernético. 

Em suma, todos podem visitar toda a instalação de forma digital, reduzir drasticamente os gastos, facilitar o acesso e ainda receber mais e mais pessoas. 

Afinal, não existe um limite ou ocupação máxima. 

Imagine, por exemplo, que você pode realizar um evento na sua instituição para alunos novos e matriculados com convidados especiais. 

No metaverso, milhares de pessoas podem participar através do número da matrícula ou inscrições. Sem precisar mudar toda a agenda da instituição ou mesmo comprometer o espaço e contratar mais pessoas. 

O metaverso na educação e as matrículas, dúvidas e reuniões: 

Algumas faculdades já começaram a permitir que as matrículas ou rematrículas sejam feitas online, através da plataforma ou site oficial. 

Entretanto, ainda existem percalços e dificuldades nesse sistema. 

Dessa forma, o metaverso vem para tornar isso possível, prático e efetivo. 

Por exemplo, é possível que a sua instituição comece a oferecer espaços para reunião com pais ou responsáveis, com alunos e até com outras pessoas. 

Como os estudantes em potencial, que tem muitas dúvidas, querem conhecer a instituição e o ensino, etc. 

Porém, ao contrário do uso de bots, o metaverso traz tudo isso de forma mais humanizada, acessível e com uma alta taxa de conversão. 

Ensino de altíssima qualidade: 

Entre os benefícios do metaverso na educação é que o ensino pode ser continuamente melhorado, algo que nem sempre é fácil através do método tradicional. 

Neste cenário, é possível apostar no metaverso de forma híbrida ou completamente virtual, trazendo novos conteúdos, de forma interativa, facilitando o contato entre alunos e reduzindo a distância entre conhecimento e estudantes. 

Da mesma maneira, será necessária uma adaptação geral para que isso funcione. 

Já que grande parte dos estudantes ainda estão habituados com a ideia de sala de aula, professor dizendo exatamente o que estudar e assim por diante. 

Então, é esperado que isso traga mais independência para os alunos e instituições, através de um ensino mais fluido. 

Imagine, por exemplo, que dá para conversar sobre diferentes assuntos e, em seguida, apresentar esses assuntos, criar uma roda de conversa, migrar para outros espaços virtuais e conferir mais sobre a prática. 

Também é possível ampliar o corpo docente, já que os professores não precisam se deslocar fisicamente, podendo ensinar de qualquer lugar. 

Vale destacar ainda que o material já vem se tornando digital, como a inclusão de ebooks, cursos e livros digitais, etc. 

Conclusão 

Por fim, é importante destacar que muitos desses benefícios talvez não sejam observados agora, nos próximos meses. Mas é uma expectativa para os próximos anos. 

Sendo assim, novas oportunidades surgem e, com elas, novas ideias de como as instituições e os estudantes precisam aderir as tecnologias.

Com a barreira da distância quebrada pelo metaverso, a educação se torna mais acessível e poderosa, chegando a qualquer lugar do globo que tenha acesso a internet. 

Entretanto, ainda existem questões que precisam ser pensadas e avaliadas, como o uso dos dispositivos de realidade virtual. 

Afinal, são itens caros, que não podem ser adquiridos por todos os alunos. Daí a importância de acompanhar essas novas tecnologias e avanços que vem surgindo e que estão em estudo. 

Sendo assim, o ideal é que você comece agora a otimizar a sua instituição, começar a migrar para o campo digital e tornar a sua instituição mais sólida, relevante e à par do que está acontecendo. 

Uma atualização importante realizada recentemente pelo Ministério da Educação (MEC) indica que os cursos de formação para docentes precisarão ter 50% de carga presencial.O MEC aprovou o parecer do Conselho
LEIA MAIS

As estratégias de marketing e publicidade mudaram muito nos últimos anos. Com o desenvolvimento da tecnologia e a ascensão da publicidade, a mídia programática ganhou mais espaço no mercado. Você
LEIA MAIS

No contexto atual, o futuro do mercado educacional está sendo moldado por evoluções tecnológicas e mudanças sociais, que impactam também o comportamento dos alunos e o ambiente de aprendizado.O avanço
LEIA MAIS

A régua de relacionamento educacional é uma estratégia poderosa para melhorar o relacionamento com os alunos e aumentar o número de matrículas.A comunicação com os estudantes é uma peça-chave dentro
LEIA MAIS

plugins premium WordPress